Saúde perto de casa: População foi contemplada com mutirão de atendimento médico em Ceilândia - Alô Brasília

Últimas

segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Saúde perto de casa: População foi contemplada com mutirão de atendimento médico em Ceilândia



Novas consultas ocorrerão na próxima quinta-feira (27), a partir das 9h, no mesmo local


Foto: Renato Barros.

Nesta segunda-feira (24), cerca de 20 médicos voluntários atenderam à população, na Praça dos Direitos na QNN 13, em Ceilândia Norte. Os profissionais realizaram consultas aos cidadãos que apresentaram sintomas como gripes e problemas respiratórios como uma das formas de combate e prevenção da Covid-19. A iniciativa faz parte do programa da secretária de Justiça e Cidadania (Sejus) com o apoio da Administração Regional. 

Para evitar a contaminação pelo novo coronavírus, foram adotados todos os protocolos recomendados pelas autoridades sanitárias. Entre as medidas de segurança estão: a testagem prévia dos servidores, a desinfecção do local, o uso de máscaras e álcool em gel 70% e o distanciamento social e a medição de temperatura. 

Novos atendimentos à população ocorrerão na próxima quinta-feira (27), a partir das 10h, na Praça dos Direitos.

Segundo a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, o programa contribuirá com a qualidade de vida da população e na prevenção da Covid-19. “A nossa intenção é levar para as Regiões Administrativas os nossos serviços, dando toda a atenção e atendimento aos nossos idosos. Nesse momento tão difícil, temos que nos reinventar para estarmos próximos da nossa população, mas é claro: com toda a segurança” disse Passamani.


Para evitar a contaminação pelo novo coronavírus, serão adotados todos os protocolos recomendados pelas autoridades sanitárias. Entre as medidas de segurança estão: a testagem prévia dos servidores, a desinfecção do local, o uso de máscaras e álcool em gel 70% e o distanciamento social.

Segunda fase
A ação itinerante é a segunda fase do Programa Sua Vida Vale Muito. A primeira foi a Hotelaria Solidária, que hospedou 300 idosos no Brasília Palace Hotel durante 90 dias, entre abril e julho. Nesse período, eles aprenderam a se proteger contra a Covid-19 e a importância de adquirir hábitos saudáveis no seu cotidiano.


Agora, além de acompanhá-los virtualmente por meio de grupos de WhatsApp, a Sejus pode oferecer em suas cidades serviços semelhantes aos que recebiam no hotel, contribuindo para volta à rotina desses idosos, que deixaram o hotel no dia 22 de julho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Alô Goiás

Blog do PAULO MELO

Alô Brasília

Melhores da semana

Destaque

Pedalinhos do Parque da Cidade estão de volta

Pedalinho do Parque da Cidade será reativado após décadas de abandono   Revitalização do espaço, que marcou gerações de brasilienses, será l...

Campanha contra a Dengue