Saiba como se defender dos golpes durante a BLACK FRIDAY

O especialista em segurança pública e privada Leonardo Sant'Anna explica que os riscos de fraudes aumentam na Black Friday, tanto por comportamento desatento dos consumidores em relação a itens quanto devido à baixa qualidade de informação em sites

Vai comprar na Black Friday na última sexta-feira do mês (26)? Então fique atento. Além dos cuidados com golpes de cartões de crédito e dados pessoais, os consumidores devem também ter cuidado com as falsas promoções oferecidas.

O especialista em segurança pública e privada Leonardo Sant'Anna explica que os riscos de fraudes aumentam na Black Friday, tanto por comportamento desatento dos consumidores em relação a itens quanto devido à baixa qualidade de informação em sites, que é onde ocorre a maioria das compras, ou mesmo de descuido com medidas básicas de proteção contra fraudes.

"Existe a ausência de uma cultura de segurança das pessoas, que passaram a comprar muito mais na internet. Ou seja, eu compro muito mais e me protejo muito menos e, nessa linha, é como se eu passasse a andar muito mais no meu carro, mas não investisse na manutenção dele. Então, o mesmo comportamento acaba ingressando nesse meio digital, mas os riscos são maiores", diz o especialista.

Sant'Anna defende que haja um comportamento preventivo de quem pretende fazer compras on-line, porque é fácil ser vítima de clonagem de sites e páginas de compra. "Depois do crime acontecido, existe uma pena muito branda e uma flexibilização muito grande do cumprimento [das obrigações]. Isso tem a ver com aquela pessoa que pensa que vale a pena cometer o crime, mesmo que seja pega em qualquer momento, porque ela pensa que a pena não será tão alta e não terá tanta perturbação", explica.

"Hoje isso é uma realidade, e por quê? A gente tem uma profissionalização dos criminosos digitais, e não é fácil rastrear pessoas quando esse tipo de delito é cometido, e muitas vezes nem se sabe onde esses sites estão hospedados", finaliza.

Como as empresas devem se preparar?

A Black Friday pode ser considerada uma das datas mais aguardadas pelas empresas. Segundo uma pesquisa do Google, ela está em segundo lugar no ranking das melhores datas para o varejo, perdendo somente para o Natal.  Por isso, os empresários que desejam aproveitar ao máximo esse período, devem se preparar para recebê-lo. 

A especialista em empreendedorismo Juliana Guimarães explica que adotar essa data é uma ótima oportunidade de vendas e aumento do lucro antes do final do ano fiscal. Segundo ela, o ponto crucial que uma empresa deve seguir é priorizar a experiência do consumidor, experimentando mudanças de hábitos, de relacionamento e consumo profundos nos últimos 18 meses. 

"Aproveite esse momento para fazer o básico muito bem feito e aposte em meios que aproximem e facilitem o contato com seus consumidores. Esse período é uma grande oportunidade para conquistar e tornar seus clientes em parceiros da sua marca pelo ano todo", explica a especialista. 

Para a especialista é importante que o empresário se prepare para o aumento de demanda: repensando seus processos, pontos de contato, prazos e negociações com fornecedores e parceiros para garantir que as expectativas dos cliente sejam atendidas conforme prometido.

"Lembre-se da regra básica de 80/20: você já deve saber quais são os serviços/produtos mais queridos por sua carteira de clientes. Pense em uma campanha, estruturada, com vários pontos de contato e experiência de compra única com foco nesses queridinhos. Assim, você vai otimizar seus investimentos em marketing e comunicação", ressalta Juliana Guimarães,

Juliana também alerta para um ponto importante sobre promoções: " Fuja da lógica das promoções maquiadas. Todo mundo já entendeu que algumas marcas reajustam preços de produtos ao longo de setembro/outubro para "fingir" uma promoção em novembro. Não caia nessa armadilha. É melhor manter o preço original e oferecer benefícios extras e uma experiência inesquecível do que fingir um desconto que não existe", aconselha.

Fonte: PREZZ COMUNICAÇÃO - Assessoria de Imprensa

Postar um comentário

0 Comentários