Onde vamos parar! Maurício Souza é demitido do Minas

Minas rescinde o contrato de Maurício Souza após fala considerada homofóbica


Multe campeão com a seleção brasileira de voleibol, Jogador já havia sido punido pela equipe na última terça-feira (26)

Uma reunião entre clube e anunciantes ocorreu neste terça-feira e determinou o afastamento do jogador; contrato foi rescindido na quarta.

A equipe de vôlei do Minas Tênis Clube anunciou nas tarde desta quarta-feira (27) que rescindiu o contrato do jogador Maurício Souza após declarações consideradas homofóbicas do atleta.

Maurício foi criticado após uma postagem nas redes sociais criticando o anúncio feito pela DC sobre a bissexualidade de um personagem dos quadrinhos do Superman.

"A é só um desenho, não é nada demais. Vai nessa que vai ver onde vamos parar…", escreveu o jogador, postando uma imagem do personagem beijando um homem.

Já na terça-feira (26), o clube havia anunciado o afastamento provisório do central, após reunião do clube com patrocinadores. Após a punição, o jogador publicou uma retratação em suas redes sociais.

"Pessoal, após conversar com meus familiares, colegas e diretoria do Clube, pensei muito sobre as últimas publicações que eu fiz no meu perfil. Estou vindo a público pedir desculpas a todos a quem desrespeitei ou ofendi, esta não foi minha intenção", escreveu o jogador no seu Twitter.

Nesta quarta, Maurício usou o seu Instagram para "pedir desculpas a quem se sentiu ofendido", mas defendeu que "ter opinião e defender o que se acredita não é ser homofóbico com ninguém".

O anúncio do Minas ocorreu depois da postagem.

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Complicado.... Realmente onde vamos para! O lance é criar nossos filhos, sermos egoísta e que se fod... o resto!

    ResponderExcluir