Servidores em trabalho remoto terão seus benefícios suspensos diz Governo Federal - Alô Brasília

Últimas

quinta-feira, 26 de março de 2020

Servidores em trabalho remoto terão seus benefícios suspensos diz Governo Federal

Servidores em trabalho remoto terão seus benefícios suspensos diz Governo Federal

Segundo o Ministério da Economia, será suspenso o pagamento de benefícios como horas extras, adicional de insalubridade e adicional por trabalho noturno, além do auxílio-transporte



Os servidores públicos federais que adotaram ao trabalho remoto por conta da pandemia do coronavírus vão deixar de receber uma série de auxílios e gratificações nesse período. Segundo o Ministério da Economia, será suspenso o pagamento de benefícios como horas extras, adicional de insalubridade e adicional por trabalho noturno, além do auxílio-transporte, já que esses trabalhadores estão trabalhando de casa.
 "Estão suspensos para os servidores em teletrabalho o pagamento de horas extras, auxílio-transporte, adicionais de insalubridade e periculosidade, gratificação por atividades com raios-x ou substâncias radioativas e adicional de irradiação. O adicional por trabalho noturno também está suspenso, exceto para aqueles que comprovarem a prestação do serviço noturno remoto das 22 horas às 5 horas", informou o Ministério da Economia nesta quinta-feira (26/3).
 A suspensão do pagamento desses benefícios está prevista pelas Instruções Normativas 27 e 28, publicadas pela Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) do Ministério da Economia, nesta quinta-feira, com o objetivo de ajustar o orçamento público à nova realidade de trabalho imposta pela Covid-19. Segundo a pasta, a intenção é "gerir o pagamento dos benefícios de maneira razoável e justa".
“Devemos sempre atuar com responsabilidade quando se trata de dinheiro público, especialmente em momentos como este que estamos vivendo. Nesse sentido, é justo e razoável que benefícios relacionados ao exercício presencial não sejam pagos quando o trabalho é feito de casa. Um exemplo claro é o auxílio-transporte", afirmou o secretário de Gestão e Desempenho de Pessoal, Wagner Lenhart.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog do Poliglota

Alô Goiás

Alô Brasília

Coluna do PM

Blog do Aderivaldo Cardoso

BLOG DO HALK

Melhores da semana

Destaque

Prefeitos preveem colapso no transporte

Prefeitos preveem colapso no transporte e pedem fundo emergencial à União Prefeito de Campinas e presidente da Frente Nacional de Pr...